O Pombo-comum

guvercin_11
Vamos ser polêmicos, vamos falar de pombos como um dos animais para lista de animais incríveis.

Esse post não tem o intuito de fazer ninguém mudar de opinião, incluindo adotar um pombo ou algo do tipo. Apenas o intuito de transmitir informação, para não continuarmos repetindo bordões sem fundamentos.

Quem nunca viu por ai essas aves consideradas feias, sujas, que passam doenças? Conhecidas como “ratos de asa” ou “rato que avua”, que sujam as cidades, defecam em seus carros, cabelos e janelas. E onde tem extremistas, tem opostos: há também o público que se compadece do sofrimento e considera esses animais fadados ao descaso,  mercê da fome e sede, e por isso o milho ou o pãozinho irá ajuda-los.

Considero que para iniciar essa discussão, precisamos entender o que diferencia o pombo de um papagaio ou mesmo de uma galinha: O pombo (Columba livia) é parente próximo da rolinha (Columbina), nosso amigo feio é da mesma família que as lindas rolinhas, a família Columbidae, que encantadoramente voam entre as árvores.

pomboDe forma saudável, eles se alimentam de sementes e frutos, já o milhozinho e o pão, são como uma espécie de fast food, uma concorrência desleal. É como quando preferimos comer numa lanchonete perto de casa ao invés de comprar e fazer uma comida saudável.

Assim como enterro de anão e cabeça de bacalhau, existem ovos e filhotes de pombos! Sei que muitos acreditam ser teoria da conspiração, mas afirmo com a certeza de quem já viu e cuidou de um. Seus ninhos são simples e abrigam dois ou três ovos, processo que participam machos e fêmeas. As fêmeas produzem um leite chamado de leite de papo, uma espécie de “leite materno” que contém o que o filhote precisa para poder crescer, o que dura certa de 30 dias.

Mas vamos ao que interessa, esses incríveis pássaros podem atingir 80 km/h por distâncias ininterruptas de até 300 km. É considerada umas das aves com melhor orientação de vôo, podendo localizar seus ninhos a cerca de 1000 km de distância.
Além disso, são famosos em vôos que os pombos conseguem fazer curvas de ângulo agudo, dificultando, e muito, a vida dos seus predadores.

[jwplayer mediaid=”778″]

Sua visão permite que ele enxergue a mais de 40km de distância, tornando-se seu predador facilmente visível.

A expectativa de vida em selva é de 15 anos e em cidades de 3-5 anos. Sua capacidade de retirar nutrientes de alimentos considerados não nutritivos é sensacional, e conseguem sobreviver em áreas com pouca oferta de alimentação, como pouquíssimos animais.

Outro fato curioso é como bebem água, enquanto outros animais se prestam a abaixar a cabeça em uma poça e beber com calma, o pombo dá goles como se utilizasse um canudo, e rapidamente sugam a quantidade necessária.

[jwplayer mediaid=”779″]

Dá para entender como vivem em grandes metrópoles, não dá? Sem grande exigência de comida, voa como ninguém, bebe água em golinhos e o tempo de crescimento dos seus filhotes é em torno de poucos meses.

E não é só de sujar seu carro que ele vive, o pombo que conhecemos é facilmente domesticado, cria vínculos com o dono e pode aprender até truques. Ok, você não quer um pombo, mas tem que admitir que foram economicamente muito importantes como pombos-correio. Foram descobertos 53 neurônios em seu cérebro, cada um respondendo diferentemente ao campo magnético da Terra, dando a ele bússula s não apenas uma, como também coordenadas em um mapa mental, ou seja, um GPS imbutido.

world_war_carrier_pigeonTodos já ouviram falar disso, mas é sempre bom relembrar que, embora sejam capazes de ser treinados a percorrer longas distâncias e encontrarem suas casas novamente, os pombos selvagens, livres em seu habitat, são normalmente sedentários e não costumam deixar sua área.

Falando em habitat natural, eles se encontram de forma selvagem em áreas rochosas de encosta e seus primeiros fósseis foram encontrados Ásia e em Israel.

E o pombo não saiu da Ásia direto para o brasil, ele passou pela Europa, e depois chegou a América em 1606, no que chamaríamos de Canada, sempre pelas mãos do homem.

Com isso acho que podemos entender sua peculiaridade e o que faz dessa ave, um animal tão adaptado a vida urbana, certo? Errado, como já foi falado anteriormente, sua expectativa de vida é reduzida drasticamente por motivos de saúde adaptativa. Mesmo assim, são considerados um dos animais mais espertos e mais fisicamente adaptativos do mundo.

Pombos são hospedeiros de parasitas e podem transmitir doenças (cerca de 57)  como histoplasmose, salmonella e criptococose, se você comer a carne dele (pessoa exótica, tem louco pra tudo) pode pegar toxoplasmose. Mas bem, isso não é motivo para odia-los, pois o meio transmissor dessas doenças são as fezes.

Seguindo a mesma lógica, as fezes do seu cão também transmite doença, da sua namorada também, e a do mendigo, nem se fala! As fezes de qualquer animal são potenciais transmissores de parasitas, doenças e tudo que pode provocar a morte, inclusive as fezes da sua calopsita (alô, Chlamydia!). Mas nada disso pode ser motivo para extermínio em massa, ou mesmo crueldade. Viver em uma bolha também não é uma opção, higiene sim!

A maior parte das fezes de pombo que chegam a transmitir doenças são por má higiene e isso não precisa de estudo nenhum para saber: são lanchonetes e restaurantes sem tela em janelas, ausência do ato de lavar as mãos, manutenção de alimentos indevida.

OLYMPUS DIGITAL CAMERAE há momentos onde esse controle é dificultado, quando os pombos utilizam janelas, telhados, ar condicionados para fazerem ninhos ou mesmo para descanso. Nesse caso o controle ambiental tem que ser qualificado, e a ausência do controle público é demarcada.

De fato, a população está fora de controle devido a ausência de um predador natural que de conta (de se alimentar deles, natureza né), pessoas de bom coração alimentam esses animais que tornam a reproduzir e aumentar mais ainda o número dessa população. Não é deixa-los morrer de fome, e sim viver apenas com o que esta disponível naturalmente, quando aumenta a oferta de comida, mais animais reproduzem, funciona como um sinal natural de disponibilidade na natureza.

Telar janelas e vãos, mudar o angulo de inclinação de telhados são algumas soluções possíveis para afastar o risco de doença, mas nada barra a conscientização.

E outra coisa, chutá-los, maltratá-los, incluindo pancadas e atropelamentos, não vão diminuir a população e não vão fazer de você nada além de um idiota. Apenas os ignore, ou faça como algumas pessoas fazem, encontrou um pombo doente, leve-o ao veterinário, ele ira cuidar, tratar, isso inclui vermifugar e tirá-lo do risco de transmissor de doenças, se possível será encaminhado para soltura, isso sim fará de você uma pessoa boa. Eles podem até transmitir doenças, mas sente dor, medo e frio, igual a você.

pigeon

Anúncios

  1. Duty

    oi….mto esclarecedor e objetivo o texto……
    Eu tenho 12 cachorros que adotei e que vieram de maus tratos…um dia cheguei em casa e encontrei no quintal um pombo quew não voava e mto assustado….levei no veterinário e descobri que a asa estava quebrada por causa de pedrada…bom já tenho ele ha 06 anos e ele é manco e não voa e a asa continuo quebrada pois não tinha como reverter ( o veterinário queria amputar e eu não deixei) acho que ele é feliz, fica solto o tempo todo, só prendo para dormir, como um mix de ração para aves e agora tem 5 meses ganhou uma namorada…da raça dele e perfeita…voa mas não sai de perto dele…ficam o tempo inteiro juntos no chão…dou banho nos dois e cuido com todo o carinho… são limpinhos e tb mto inteligentes….bjs

  2. Bianca Falc

    Oi, Luiza. Tbm sou estudante de Medicina Veterinária. Hoje encontrei uma mãe com seu filhote pombo. Será que vc sabe me dizer o q estes pombos têm? Eu os trouxe para casa e tomei todos os cuidados para evitar contaminações.
    Eles estão com diarréia com sangue, tom escuro amarronzado e umas partes brancas. E a aparencia deles é bem suja.
    Adorei seu texto. Muito humano.
    Muito obrigada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: